À entrada para a sede do organismo, Ricardo Costa foi abordado por cerca de dez pessoas, não identificadas com adereços de qualquer clube, que tentaram apertar o presidente a Comissão Disciplinar. Sem consequências de maior, porém.

Umas horas depois, quando Ricardo Costa saía depois de concluída uma reunião, os mesmos indivíduos ainda aguardavam pelo dirigente no exterior. Foi então que dois deles atacaram o carro onde seguia Ricardo Costa, tentando forçar a entrada.

As tentativas de abrir a porta da viatura foram infrutíferas, pelo que os agressores viraram a frustração para cima do carro, que atacaram com murros e pontapés. O presidente da Comissão Disciplinar da Liga saiu porém ileso deste episódio.

Ao que foi possível perceber, Ricardo Costa já relatou o sucedido às entidades competentes. Pelo que as forças policiais vão montar um dispositivo de segurança. Recorde-se que já na altura do Apito Final, o dirigente teve protecção policial.