João Dias, 28 anos, foi o mais utilizado dos três. Esteve em 27 jogos oficiais, 24 na condição de titular, e jogou 2148 minutos. No campeonato fez 22 partidas.

Marek Cech, 32 anos, chegou em janeiro e entrou nos planos de Petit em 16 jogos oficiais. Oito a titular e oito a sair do banco. Marcou um golo ao Vitória Guimarães, em casa. No total fez 794 minutos.

Finalmente, Bobô. O atacante de 33 participou em 16 jogos também, cinco com o estatuto de titular. Não marcou nenhum golo e fez 675 minutos.  

O Maisfutebol publica o comunicado do Boavista na íntegra:

«Disputado o último jogo oficial da época 2014/15, o Conselho de Administração e a Equipa Técnica da Boavista, SAD estiveram reunidos, a preparar já a próxima temporada.

Assim, foi decidido não renovar os contratos de trabalho desportivo com os atletas João Dias, Marek Cech e Bobo, vínculos que terminam no final desta época.

Aos atletas, a quem a decisão foi hoje comunicada, quer o C.A., uma vez mais, agradecer a disponibilidade, o empenho e o profissionalismo que demonstraram ao serviço da Boavista, SAD, ao mesmo tempo que lhes deseja as maiores felicidades.

Porto, 25 de Maio de 2015»

O C.A. da Boavista F.C., Futebol, SAD