José Mota, técnico do Chaves, na sala de imprensa após a vitória por 1-0 frente ao Moreirense

«O balanço é positivo, conseguimos o resultado que pretendíamos que era a vitória. Mas antes de mais quero aproveitar para dar os parabéns ao Moreirense pela excelente época que está a fazer e merece estar no 5.º lugar. Hoje mais uma vez demonstrou porque está nesta posição e criou-nos muitas dificuldades. Sabíamos que tínhamos de ter algumas preocupações em termos defensivos e tentámos explorar os espaços.»

«Na primeira parte tivemos uma situação do Wiliam que podia ter feito melhor e conseguimos depois o lance do golo. Após o golo sabíamos que com as alterações produzidas pelo treinador do Moreirense com a entrada de mais homens para a frente, teríamos muitas dificuldades em termos de marcação e penso que eles tiveram duas oportunidades de golo.

«Fomos uma equipa solidária, organizada, que teve um aspeto fundamental nesta fase do campeonato que foi um sacrifício, solidariedade e a união do grupo para conseguir esta vitória. Tivemos o apoio importantíssimo das pessoas de Chaves que nos vieram apoiar. E esta força que transmitem para nós dá-nos aquele acréscimo de determinação para ultrapassar as dificuldades.»

[vitória foi justa?]

«Não gosto de usar a palavra justiça, mas acho que aquilo que nós pretendíamos era ganhar e conseguimos um golo que nos deu esta vitória importantíssima que nos dá alento para enfrentar as últimas quatro finais.»