O Sp. Braga informou nesta quinta-feira ter sido notificado pelo Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) a propósito do castigo aplicado pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, que visa punir o clube com um jogo à porta fechada e multa.

Em comunicado emitido no site oficial, o Sp. Braga revela que vai aguardar pela decisão do TAD, no qual os bracarenses consideram que a sentença aplicada é «ilegal, desproporcional e lesiva do clube e dos seus adeptos», pode-se ler na nota oficial.

Assim sendo, o jogo da sétima jornada da Liga portuguesa entre Sp. Braga e Rio Ave vai-se realizar «na presença de público» nas bancadas do Estádio Municipal de Braga, tendo o emblema arsenalista, já nesta quinta-feira, disponibilizado a venda de ingressos ao público e aos sócios.