O treinador do Tondela admite que está à espera de grandes dificuldades na receção a uma Académica «com o orgulho ferido», mas garante que o foco está nos três pontos de forma a poder continuar na I Liga.

«Vamos ter um jogo difícil, perante uma Académica de orgulho ferido. Respeitamos a Académica, mas vamo-nos focar naquilo que temos vindo a fazer e queremos fazer: primeiro temos de nos preocupar connosco, garantir os três pontos e depois logo se verá», analisou Petit em conferência de imprensa.

O antigo treinador do Boavista define esta partida como decisiva em que só a vitória interessa para o Tondela. Em caso de vitória, a equipa de Viseu pode ser despromovido já que está dependente do que possam fazer União da Madeira e Vitória de Setúbal.

«Nos últimos tempos temos feito cada jogo como se fosse o último e amanhã [sábado] é um jogo de grande decisão. A equipa está motivada, confiante e sabe o que tem de fazer: conquistar os três pontos, pois só assim é que podemos sonhar em ficar na I Liga», perspetivou o técnico dos tondelenses.  

Peti recordou que «a equipa foi crescendo aos poucos» e que precisou de dois meses até se adaptar aos novos métodos de trabalho. Aquando da sua chegada, o atual treinador do Tondela lembra que encontrou o clube no último lugar com apenas cinco pontos e cinco golos marcados. Atualmente o cenário é diferente, já que os tondelenses entram para o derradeiro desafio com possibilidade de se salvarem da despromoção.

«Hoje temos 32 golos marcados: o nosso avançado Nathan Junior não tinha um golo e agora tem 13. É uma equipa que se adaptou ao que nós queríamos: cria muitas oportunidades, faz praticamente mais de um golo por jogo, por isso, acho que podíamos estar quatro ou cinco lugares acima daquele onde estamos», relembrou.

Questionado sobre se vai continuar à frente do clube do distrito de Viseu, Peti foi evasivo na resposta.

«Fui bem recebido por pessoas humildes, que gostam do clube, que trabalham muito para que este clube possa ficar na I Liga, e o presidente é, numa palavra, espetacular. Agora nunca sei o dia de amanhã, hoje estou aqui mas amanhã posso estar noutro lado, mas estou mais focado no jogo com a Académica e que o Tondela se mantenha na I Liga», concluiu.

O Tondela, penúltimo classificado recebe a lanterna vermelha e já despromovida Académica de Coimbra, em jogo a contar para a 34ª jornada da I Liga. O duelo entre as duas equipas vai ter a arbitragem de Rui Costa, da A. F. Porto.