FIGURA: Rochinha (V. Guimarães)
Entrar, tocar na bola e marcar. Entrou a 15 minutos do fim, mas praticamente não tocou no esférico. Quando o fez, solicitado na esquerda por Edwards, Rochinha rematou cruzado para o fundo das redes e deu o triunfo ao Vitória de Guimarães. Ele havia sido um dos sacrificados do onze após o desaire frente ao Sp. Braga.

MOMENTO DO JOGO: Substituições de João Henriques

O Gil Vicente estava a mandar por completo no jogo e a frente de ataque vimaranense dava sinais de cansaço. João Henriques trocou os três da frente e acabou premiado por isso. Noah recebeu, entregou a Edwards que desmarcou Rochinha, terminando a jogada em golo. Os três haviam entrado em campo já perto do final da partida.

OUTROS DESTAQUES

Quaresma (V. Guimarães): Que bom ter jogadores da craveira de Ricardo Quaresma no nosso campeonato. O internacional português esteve em destaque ao fazer a assistência para o golo vimaranense. Com um cruzamento que levava ‘olhinhos’, entregou de bandeja o golo a Bruno Duarte, que só teve de encostar.

Bruno Duarte (V. Guimarães): Esteve bem a segurar o esférico no primeiro tempo e marcou quando teve oportunidade. Não se podia pedir mais ao ponta de lança vimaranense

Lucas Mineiro (Gil Vicente): Moralizado pelo golo em Alvalade, Lucas Mineiro foi sempre dos jogadores mais ativos do Gil Vicente. Com dois remates no primeiro tempo, testou a atenção de Bruno Varela, mas faltou eficácia. Saiu esgotado.

Samuel Lino (Gil Vicente): Começou no banco, mas assim que entrou no segundo tempo mostrou que o técnico se havia enganado. Sempre muito móvel e veloz, voltou a fazer o que já havia feito por duas vezes: golo. Não chegou para conquistar pontos na Liga, mas conquistou nas opções do treinador.