O médio português Ruben Neves, do Wolverhampton, confessou ter assistido ao nascimento do terceiro filho… pelo telemóvel.

Tudo porque a mulher decidiu ter o filho em Portugal e, no caso de a ter acompanhado, o jogador teria de falhar vários jogos do clube, uma vez que seria obrigado a ficar em quarentena no regresso a Inglaterra devido à pandemia.

«Assisti ao nascimento no autocarro, quando voltávamos do jogo com o Crystal Palace. Não foi fácil, honestamente. É duro não ter estado lá. É um momento incrível para a minha família, e claro que queria ter estado presente, mas temos de nos adaptar a este novo mundo. Se eu tivesse ido, teria de falhar dois ou três jogos», declarou num vídeo partilhado nas redes sociais do clube.