«Tenho admiração pelo Sporting e pelo Paulo Bento, mas, sábado, o Vitória é favorito», começou por dizer o técnico vimaranense na conferência de imprensa de antevisão do encontro. O treinador espera que a sua equipa seja capaz de se adaptar «a tudo o que possa acontecer» e garante que vai «lutar para ganhar.»

O objectivo do Vitória são os lugares de acesso às competições europeias, um «objectivo perfeitamente normal numa grande equipa», para o qual os vimaranenses vão dar tudo. «O Vitória faz o que é normal: acreditar sempre que pode fazer mais e melhor, tem jogos importantes para fazer e o peso desta camisola obriga a ter pensamentos positivos. Vamos ter um Vitória forte, pensador e ganhador», declarou Manuel Cajuda.

O treinador algarvio está preparado para um jogo «extremamente difícil pela complexidade do adversário» mas «gostaria de ver no Vitória uma organização estrutural muito forte, que saiba compreender os princípios do futebol e fundamentalmente os movimentos colectivos e individuais do Sporting», explicou.

Cajuda recorda que o clube leonino «é um dos grandes, mas isso não implica um atestado de minoridade» à sua equipa. «Quero que o Vitória de Guimarães seja favorito em todos os jogos e este não foge à regra», repetiu o mister, assegurando que sabe «ganhar e perder.»

Na antevisão do encontro com os leões, Cajuda admitiu «um início de época muito mau» mas salienta que «a equipa tem vindo a crescer e a jogar melhor futebol.» O treinador aproveitou para elogiar Nuno Assis, que «está a demonstrar ser um jogador fabuloso.»