Carlos Pereira, presidente do Marítimo, confirmou a cobiça insular a Orlando Sá, desmentindo por outro lado que esse negócio esteja relacionado com a situação de Kléber. O brasileiro, como é público, já viu o seu passe adquirido pelo F.C. Porto.

Entretanto, a equipa madeirense passa a contar com Marafona. O guarda-redes representava o Varzim, da Liga de Honra, e já esteve em Ofir, local de estágio de pré-época do Marítimo. Marafona assina um contrato de quatro épocas.