Wilfred Ndidi vai ser jogador do Leicester City. O médio nigeriano de 20 anos, ao serviço dos belgas do Genk, confirmou a mudança para o campeão inglês após a vitória sobre o Gent (2-0), na noite de terça-feira, a contar para a liga belga.

Em declarações aos microfones da Jupiler Pro League – a liga belga de futebol – Ndidi despediu-se com emoção do Genk e agradeceu a Peter Maes, treinador despedido na véspera do duelo com o Gent.

«Vou para o Leicester City. Sinto um monte de emoções e quero agradecer ao Peter Maes. Ele fez de mim o jogador que hoje sou. Devo-lhe a minha transferência», referiu Ndidi.

O jogador nigeriano já tinha rumado a Inglaterra a meio do mês para realizar testes médicos, sendo que o Leicester vai pagar cerca de 15 milhões de libras (cerca de 14,3 milhões de euros), valor que pode ascender aos 17,2 milhões de euros, mediante objetivos.

Natural de Lagos, Nigéria, Ndidi despertou a atenção de um olheiro belga do Manchester United num torneio juvenil em 2013. Assinou pelo Genk em 2015, clube onde fez 62 jogos oficiais, marcando quatro golos.