De acordo com a publicação, esse valor corresponde às dívidas que o jogador do Barcelona tem com o Estado espanhol, por deixar de declarar os direitos de imagem entre 2007 e 2009.

Perante a acusação de fraude fiscal pelo Ministério Público de Barcelona, a família decidiu desembolsar o valor da dívida (com juros), tentando assim diminuir responsabilidades penais a que Messi e o pai poderiam estar sujeitos.

Jorge deverá assumir todas as responsabilidades diante da Justiça. O objetivo é diminuir a participação de Lionel Messi no caso. O jogador do Barça prestou depoimento a 17 de setembro, véspera da estreia do Barcelona na Liga dos Campeões da Europa, contra o Ajax, no Camp Nou.

Em junho, o juiz do Tribunal de Barcelona aceitou a denúncia apresentada pelo Ministério Público em ação contra o jogador e seu pai, Jorge Messi, por fraude em mais de quatro milhões de euros em impostos não pagos durante os anos de 2007, 2008 e 2009.