A decisão aconteceu depois da eliminação da equipa frente ao Dínamo Moscovo para a Taça da Rússia, na última quarta-feira. No campeonato, o Spartak ocupa o 10º lugar, com quatro pontos em quatro jogos.

O dinamarquês, actualmente com 44 anos, rumou à Rússia em Setembro, depois de se ter distinguido como treinador ao comando do Getafe, de Espanha.

Valeri Karpin, antigo jogador do Celta de Vigo, Real Sociedad e Valência, substituirá provisoriamente Laudrup no cargo, segundo o comunicado.

Laudrup confirmou mais tarde que foi despedido «por telefone» e que ficou «naturalmente surpreendido com a decisão». «O futebol é assim e eu sei quais são as regras de jogo. Mas ser julgado por quatro ou cinco jogos é muito pouco», adiantou.