a intenção da Federação Turca de Futebol de punir os futebolistas Didier Drogba e Emmanuel Eboue, que exibiram camisolas em homenagem a Nelson Mandela.

Os dois jogadores da Costa do Marfim foram ameaçados com um processo disciplinar pela federação local por terem violado o regulamento que impede de usar slogans políticos em t-shirts.

O ministro dos desportos da Turquia pediu à federação para rever a decisão de punir as duas estrelas do Galatasaray.

«Não considero que seja uma decisão saudável para a imagem da Turquia no estrangeiro e para a liberdade de expressão dos dois futebolistas», defendeu Suat Kilic.

Drogba tirou a camisola do clube no final do encontro de sexta-feira contra o SB Elazigspor para revelar a mensagem "Thank You Madiba" (“Obrigada Madiba”), enquanto Eboue usou uma t-shirt onde se podia ler "Rest in Peace Nelson Mandela" (“Descansa em Paz, Nelson Mandela”).

A federação justificou a sanção com o facto de os dois jogadores não terem pedido autorização para o seu ato, mas a decisão causou revolta entre os utilizadores do twitter, que acusaram a entidade de fascismo.