Champions: Bernard é «baixa» na receção do Shakhtar ao Bayern

 

O Shakhtar Donetsk assenta o seu jogo na criatividade brasileira e Lucescu acrescenta um fator de motivação para este duelo: «Tenho 13 jogadores brasileiros que sonham bater o Bayern Munique para vingar a honra do seu país após aquela forte derrota no Campeonato do Mundo. Seríamos heróis de nos qualificássemos para os quartos de final frente a um clube que acaba de golear o Hamburgo por 8-0. Mas tudo é possível no futebol.»

Tudo sobre a Liga dos Campeões

 

«Não temos qualquer tipo de medo, não é por o Bayern ser favorito que tem já a vitória garantida. Claro que é favorito, é uma das melhores equipas do Mundo e tem um treinador que ama o seu trabalho. Para nós é um desafio e vamos também jogar pela Ucrânia, pelo país como um todo, um país dividido pela guerra», rematou Mircea Lucescu.