A ciclista suíça Nicole Hanselmann foi obrigada a parar quando liderava a prova Omloop Het Nieuwsblad pelo facto de se estar a aproximar demasiado do pelotão masculino.

A corredora helvética deixou o pelotão feminino ao quilómetro sete e ao 30.º já tinha um avanço de dois minutos. No entanto, a organização da prova obrigou Nicole Hanselmann a travar a corrida de forma a repor o tempo entre o pelotão masculino e a prova feminina. 

«Foi um pouco triste porque estava a pedalar bem. Quando o pelotão me viu parada, ganhou outra motivação. Podia ver as ambulâncias da prova masculina. Penso que tive parada durante cinco ou sete minutos. Isso acaba com as tuas hipóteses de vencer», disse ao site Cyclingnews.

Nicola Hanselmann terminou a corrida na 74.ª posição e no final brincou com o sucedido.

«Ataquei após sete quilómetros [do início da prova] e estava sozinha aos 30km … Mas depois aconteceu um momento estranho. Quase vi as costas do pelotão dos homens. Se calhar eu e as outras mulheres estávamos muito rápidas ou os homens muito lentos», escreveu na rede social Instagram.