Para o «happy one», esta foi a melhor solução para estes dois casos. Lukaku foi cedido ao Everton e Moses ao Liverpool, em decisões de último dia de mercado de verão.

Para Mourinho, encontraram-se assim boas formas de ambos continuarem a jogar com regularidade: «Penso que é tempo de todos pararem de falar em vender e comprar jogadores. Há sempre coisas a melhorar, a decidir no último dia. Temos que pensar no clube, mas também temos que pensar no que é melhor para os jogadores».

«No que se refere a Lukaku, temos Fernando Torres, Eto'o e Demba Ba. Claro que ele iria jogar, mas a escolha de jogar todas as semanas pesou. Ele tinha várias hipóteses e temos que respeitar a decisão dele».