O jogador em causa é Fernando Varela, antigo futebolista do Feirense, hoje no Steaua.

A FIFA declarou a derrota de Cabo Verde por 3-0 e colocou no lugar da seleção cabo-verdiana a Tunísia.

A decisão foi tomada esta quinta-feira pela Comissão Disciplinar da FIFA. Cabo Verde foi notificado na terça-feira.

O sorteio do playoff da zona africana está agendado para a próxima segunda-feira, dia 16.

A Federação de Cabo Verde reagiu à notificação em comunicado.

«Os jogos que opuseram a Seleção nacional e a sua congénere da Guiné Equatorial foram declarados nulos e os efeitos provenientes desta anulação fazem com que todas as sanções ocorridas durante os jogos sejam levantados. O mesmo será dizer que as sanções aplicadas aos jogadores com a amostragem de cartões amarelos ou vermelhos deverão ser limpas, não procedendo para efeitos de jogos posteriores», escreve a FCF.

Varela tinha sido castigado por quatro jogos. «A FCF está confiante que o seu argumento irá prevalecer e que as regras do jogo, em especial os regulamentos da FIFA, sejam respeitados.»

Contactado pelo Maisfutebol, Mário Semedo, presidente da Federação de Cabo verde pediu para ser contactado «mais tarde», por estar «em reunião».