Isto porque a grande sensação desta reta final, a Islândia, deu a volta a um golo madrugador da Albânia, e, com tentos de Bjarnasson (14 minutos) e Sigthorsson (47) segurou a segunda posição no grupo. Os islandeses mantêm esperanças de chegar pela primeira vez ao play-off, precisando para isso de vencer Chipre (em casa) e Noruega (fora) nos dois jogos que lhes faltam.

Classificação do grupo E:

Suíça, 18/8; Islândia, 13/8; Eslovénia, 12/8; Noruega, 11/8; Albânia, 10/8; Chipre, 4/8.