Declarações de Fernando Santos, às entrevistas rápidas da RTP3, após o empate ante Espanha no arranque do Mundial 2018:

«No computo geral, acaba por ser justo. Entrámos muito bem no jogo, mas, depois, inexplicavelmente, fizemos o golo e a partir dos dez minutos começamos a recuar muito, a não conseguir ter bola, Espanha a começar a fazer aquilo que gosta, que é ter bola, essa foi uma dificuldade para nós.»

«Verdade é que respondemos bem, em dois, três contra-ataques podíamos ter feito o 2-0 duas excelentes situações. Não fizemos, acabamos por sofrer golo num lance que me deixa muitas dúvidas no início da jogada, mas mesmo assim depois ainda tivemos possibilidade de eliminar a jogada e não eliminámos.»

«Conseguimos o golo perto do intervalo. Ao intervalo, disse que era preciso ter bola, mais intensidade. Principalmente não permitir que Espanha jogasse com aquela facilidade. Parece que até tínhamos começado bem, acabámos por sofrer um golo numa bola parada [2-2], num lance conhecido. Foi um jogo intenso, muito intenso entre as duas equipas, acabou por ser um resultado justo.»