Nani, jogador da Seleção, analisa a vitória na Irlanda do Norte (2-4):

«Tivemos uma excelente atitude, falámos disso no balneário, da nossa capacidade para dar a volta às adversidades, como aconteceu hoje. Foi qualquer coisa de fantástico e estamos todos de parabéns.»

«Sabíamos que ia ser difícil, eles no primeiro jogo fecharam-se lá atrás, defenderam muito, tal como fizeram agora, sendo que desta vez o campo de dimensões mais pequenas lhes foi favorável. Mas quando pusemos a bola no chão e assentámos o nosso jogo, fomos superiores.»

«A renovação com o Manchester United foi muito importante para mim. Sinto-me agora mais tranquilo e concentrado apenas no futebol.»

«Se fiquei desconfortável por ter sido suplente? Não, de maneira nenhuma. Sei do meu valor, da minha capacidade, e toda a gente sabe que não estou em forma por causa de uma lesão que sofri e que tenho poucos minutos nas pernas. Tenho ainda um caminho para percorrer, mas sei que vou recuperar a forma e que recuperar a titularidade, naturalmente. Não tenho ansiedade alguma, estou tranquilo, para quando o selecionador decidir, fazer o que fiz hoje.»