«O Robinho que eu esperava ver ainda não apareceu em Inglaterra. Como bom profissional, continuo a batalhar todos os dias por isso. Não estou satisfeito com o que tenho feito, mas peço às pessoas para me julgarem só no final da temporada e que tenham em consideração tudo o que passei desde que cheguei», declarou o avançado, citado pela imprensa inglesa.

Robinho tem sido criticado pelos adeptos da equipa inglesa e também não tem tido uma relação fácil com o seu treinador. O jovem jogador aproveitou a oportunidade para se explicar. «Fui o último a chegar e isso cria sempre problemas de adaptação ao país e ao novo sistema de jogo. Mas não é uma desculpa, não estou a jogar como sei e não posso negar esse facto», reconheceu o brasileiro.

A época irregular de Robinho tem levantado rumores acerca da continuação do número 10 no Manchester City, mas o jogador rejeita a ideia de mudança de ares. «As pessoas dizem que devo ser vendido mas tenho um contrato longo e nenhum director falou comigo. Eu quero ficar e quero ser a estrela de uma equipa que ganha títulos», concluiu o internacional canarinho.