Eduardo Costa, presidente da Oliveirense, acusa mesmo Álvaro Braga Júnior de «inventar estratégias de perseguição maquiavélicas para justificar fracassos».

O líder do emblema de Oliveira de Azeméis não esquece também as suspeitas relativas à presença de Hermínio Loureiro no estádio da Oliveirense. «Preocupa-me também a atitude pidesca de que, como veio a público dizer, anda a vigiar os passos do presidente da Liga. Isto é gravíssimo e não foi ninguém de Oliveira de Azeméis que foi dizer», disse Eduardo Costa.

Álvaro Braga Júnior tinha desafiado Hermínio Loureiro a explicar o que tinha ido fazer ao estádio da Oliveirense, algumas horas antes de um jogo da II Liga. Mais tarde ficou a saber-se que o presidente da Liga tinha estado no recinto a tirar fotografias para a revista «Visão», no âmbito de uma entrevista.