O Estoril empresta quatro jogadores ao onze ideal da jornada 12, resultado da excelente vitória em Paços de Ferreira.

Dos cinco jogadores da defesa, três são orientados por Marco Silva. Os restantes são João Afonso, um dos responsáveis pelo empate a zero do Belenenses em Guimarães, e Alex Sandro, responsável pela assistência para o segundo golo de Jackson Martinez.

No centro do terreno, William Carvalho (Sporting) e Evandro (Estoril).

Nas alas, Varela (FC Porto), autor do cruzamento para o primeiro golo de Jackson, e Héldon (Marítimo), sem dúvida um dos jogadores em melhro foram na Liga. Foram dele os dois golos no dérbi da Madeira.

No ataque, os dois melhores marcadores da Liga. Ambos colombianos, ambos em grande momento.

Guarda-redes

Vagner (Estoril), 4

Defesa direito

Mano (Estoril), 3

Defesa central

João Afonso (Belenenses), 4

Yohan Tavares (Estoril), 3

Defesa esquerdo

Alex Sandro (FC Porto), 4

Médio centro

Evandro (Estoril), 4

William Carvalho (Sporting), 4

Médio direito

Varela (FC Porto), 4

Médio esquerdo

Héldon (Marítimo), 4

Avançados

Montero (Sporting), 4 

Jackson (FC Porto), 4 

Como critérios de desempate, no caso de jogadores com a mesma nota, definem-se os seguintes aspetos:

1-Influência direta do jogador em causa no resultado, através da marcação de golos;

2-Pontos conseguidos pela sua equipa;

3-No caso dos defesas e dos guarda-redes, o número de golos sofridos pela sua equipa e, só depois,

o número de golos marcados;

4-No caso dos médios e avançados, o número de golos marcados pela sua equipa e, só depois, o

número de golos sofridos;

5-Minutos jogados;

6-Critério disciplinar;

7-Classificação das respectivas equipas