O treinador do Sporting, Paulo Bento, em declarações na sala de imprensa, após o encontro com o V. Guimarães, da 25ª jornada da Liga, que os leões venceram por 2-1:

«Foi uma vitória sofrida, não esperávamos outra coisa. Sabíamos das dificuldades que íamos encontrar, num bom ambiente, mas difícil, com uma equipa que jogava muito das suas possibilidades nas competições europeias. Eram duas equipas com o mesmo tipo de pressão e daí ver-se um jogo muito bom e positivo na primeira parte, na qual fomos melhores. Fomos dominadores durante mais tempo, conseguimos várias ocasiões de golo, com bolas na trave e poste. Consentimos duas ocasiões ao Vitória, fizemos um golo a acabar a primeira parte e devíamos ter chegado ao intervalo em vantagem o que era o justo e legal.»

«Na segunda parte, o Vitória fez o golo, passámos por dificuldades, depois houve a reacção, o carácter da equipa, que conseguiu uma vitória justa, alicerçada na qualidade da primeira parte e no espírito da segunda. Uma vitória importante e que me trouxe à memória a final da Taça da Liga. Quando estava no banco, dei por mim a pensar se não teria de fazer outro apelo. O que tenho de fazer agora é um apelo aos jogadores para continuarem com este empenho, e um apelo aos adeptos do Sporting, em função das dificuldades que vamos ter no jogo como Estrela, fruto dos dois cartões amarelos que nos castigam dois jogadores. Se há alguém que merece um bom ambiente e espírito para o jogo que vem, são os jogadores. É o dia dos núcleos e isso já ajuda.»