A informação foi confirmada nesta terça-feira, pelo presidente do P. Ferreira, Fernando Sequeira, que mostrou disponibilidade para trabalhar sobre um clima de consenso para o futebol português, num momento particularmente sensível.

Este é, de resto, o regresso do P. Ferreira à Direcção da Liga de Clubes, ele que fez parte da Direcção dos anteriores órgão sociais, liderados por Valentim Loureiro. Numa altura em que o presidente do clube era Hernâni Silva.

Recorde-se que o Sporting abandonou a Direcção na segunda-feira, como protesto pela arbitragem de Lucílio Baptista na final da Taça da Liga. O Sporting considerou que a Liga de Clubes não valorizou o contributo dado pelo clube para melhorar a arbitragem.