No entanto, Patacas entende que o Nacional tenha necessidade de fazer dinheiro com o brasileiro, tal como fez com Adriano e Paulo Assunção, por exemplo, que se mudaram para o F.C. Porto.

O defesa-direito comparou ainda Nenê e Adriano, e refere, «sem menosprezo» para o primeiro, que o actual colega está uns furos acima, embora haja muitas semelhanças entre ambos.