Pepe, jogador da Seleção, analisa a vitória na Irlanda do Norte (2-4):

«Esta vitória é muito importante para nós, embora nada esteja decidido. Temos de ganhar os próximos dois jogos e esperar que a Rússia tropece num dos três jogos que lhe falta disputar.»

«Entrámos bem no jogo, marcámos primeiro, infelizmente sofremos dois golos de bola parada, mas a equipa não desistiu, continuou a lutar, acreditou. Realço o espírito e o trabalho da equipa.»

«O Cristiano Ronaldo sabe da importância que tem para o grupo e fez um esforço para jogar. Vinha tocado do Real Madrid, foi poupado nos treinos, mas na hora da verdade mostrou quem é e marcou três golos. Fiquei contente por ele. Tinha-lhe dito antes do jogo que ia marcar um golo de livre, como aconteceu, mas afinal marcou mais dois. Dá sempre a cara, é o nosso capitão e o melhor jogador do mundo, para mim. Agora ultrapassou o número de golos de um mito do futebol português, como é o Eusébio, e com a idade que tem pode chegar muito mais longe e tornar-se numa referência ainda maior do que já é.»