No entanto um mau treinador e/ou mau profissional não tem lugar nesta hierarquia. O Jesualdo está no Porto à custa de méritos e resultados. Desde que entrou tem cumprido os objectivos principais, quer a nível interno como na Champions. Jogar bem ou mal é relativo, o Porto do Mourinho não era uma equipa de futebol espectáculo, era uma equipa pragmática. É claro que não vou entrar por grandes comparações são treinadores com estatutos diferentes. Mas acredito no trabalho do prof. Jesualdo e nesta equipa. O Porto num dia bom é uma equipa muito difícil de bater seja contra que equipa for. O nosso ataque deste ano está mais forte que no ano passado. Falta talvez um desiquilibrador como o Quaresma, um banco mais forte. Mas este onze dá muitas garantias. Por exemplo a forma como o Porto passa de um 4-3-3 para um 4-4-2 sem meter uma substituição é brutal. O Rodriguez é um jogador importantíssimo, como aguenta o meio campo quando é preciso ou alarga o jogo para os desiquilíbrios. Este é só um exemplo de como a equipa com o mesmo 11 tem capacidade de encolher e esticar o jogo conforme lhe convém.

Mais, potência, força física, capacidade de explosão, resistência, em todos estes aspectos a equipa deste ano é melhor que a do ano passado. O porto já consegue aguentar um jogo da Champions a correr 90 minutos ou 120 se for preciso em vez de quebrar aos 70. Para mim, um dos grandes problemas do Porto o ano passado na CL. O tridente Hulk, Lisandro, Rodriguez é dinamite para qualquer defesa. Acredito sinceramente que este Porto ainda tem muito para mostrar. Estes são os aspectos positivos de uma equipa à Jesualdo e da própria evolução do prof. como treinador. Enquanto estiver a cumprir deve ficar, mas é possível que saia este ano. Nesse caso preparem-se para o Paulo Bento.

Cumprimentos e obrigado pela conversa INTERESSANTE sobre futebol. Algo cada vez mais raro.