Fernando Santos, selecionador nacional, em declarações à RTP após a vitória na Polónia: 

«Não gostei de alguns momentos. Mas entrámos bem, tivemos boa circulação e tirámos a Polónia do jogo. No ataque insistimos muito pela direita, pelo Cancelo, e carregámos bem por aí. Pelo lado esquerdo tivemos mais dificuldades. O Rafa no início tentou segurar mais a bola, jogar mais, mas a partir do momento em que se soltou começou a dar profundidade com e sem bola. E dominámos o jogo.»

«Sofremos de canto, normalmente não sofremos. A Polónia defende bem e é perigosa no contra-ataque. Felizmente reagimos bem. Fizemos dois golos e pedi mais qualidade até ao 3-1. A partir daí houve algum deslumbramento, a tocar na bola mas sem dinâmica. Tivemos algum sufoco no final, mas as duas grandes oportunidades são nossas, pelo Renato e pelo Bruno. Ganhámos bem»

[sobre o jogo no Euro2016]

«A Polónia se calhar já se esqueceu desse jogo. Eles marcaram muito cedo, nós empatámos pelo Renato e depois tentámos tudo. Só ganhámos nos penáltis. Mas a minha equipa acredita nela. É bom que estes jogadores cresçam em jogos com pontos. Isso é importante. Tenho estes e lá fora mais dez, 15 ou 20.»