Em 2009 o emblema «merengue» pagou 94 milhões de euros pelo português. Quatro anos depois, Florentino Pérez abre ainda mais os cordões à bolsa. Bale terá custado cem milhões de euros, de acordo com informação adiantada à agência Reuters pelo diretor de comunicação do Tottenham. Os espanhóis dizem ter pago 91 milhões.

O terceiro lugar da lista também pertence ao Real Madrid (e a Florentino Pérez): Zidane, que em 2001 custou 75 milhões de euros.

Para além de Bale, existem três novas entradas no «top 10» das transferências mais caras de sempre. Cavani deixou o Nápoles para assinar pelo PSG, numa transferência que rendeu 64 milhões de euros aos italianos. Falcao deixou o At. Madrid para transferir-se para o Mónaco, por 60 milhões. Neymar chegou ao Barcelona, vindo do Santos, por 57 milhões.

«Top 10» das transferências

1. Gareth Bale (Tottenham-Real), 100 milhões de euros

2. Cristiano Ronaldo (Man Utd-Real), 94 milhões de euros

3. Zinedine Zidane (Juventus-Real), 75 milhões de euros

4. Zlatan Ibrahimovic (Inter-Barcelona), 70 milhões

5. Kaká (Milan-Real Madrid), 67,2 milhões

6. Edinson Cavani (Nápoles-PSG), 64 milhões

7. Luís Figo (Barcelona-Real Madrid), 61,7 milhões

8. Radamel Falcao (At. Madrid-Mónaco), 60 milhões

9. Fernando Torres (Liverpool-Chelsea), 58 milhões

10. Neymar (Santos-Barcelona), 57 milhões

[artigo atualizado]