Paulo Bento admitiu que «a Seleção será sempre mais forte com Ronaldo», mas desdramatizou uma eventual ausência de CR7. «Teremos sempre o objetivo de vencer», rematou.