Nuno Mendes tinha apenas treze anos quando Portugal foi campeão da Europa, há cinco anos, em França. Agora é um dos mais jovens do grupo e vai fazer dezanove em pleno Europeu, no dia em que Portugal vai defrontar a Alemanha naquele que será o segundo jogo de Portugal da primeira fase.

«Tanto eu como os outros queremos jogar todos os jogos. Esse dia vai ser importante para mim, jogando ou não jogando, o mais importante para mim é a equipa vencer. Uma vitória seria uma boa prenda para mim», comentou em relação ao dia de aniversário.

Um sonho que há cinco anos, quando Portugal trouxe o título de França, ainda estava distante. «Tinha treze anos e foi um momento muito importante para Portugal e para os jogadores. Como é normal, fiquei feliz, sou português. Ajudou-me a perceber que não só eu, mas todos os jovens com muito talento, também podem chegar aqui», referiu.

Um lateral muito jovem que pode trazer irreverência à equipa de Fernando Santos. «Nós, os jovens, somos mais recolhidos, não falamos muito, mas eles [os mais velhos] ajudam-nos muito. Mas tanto a juventude como a experiência são importantes para o grupo de trabalho, ajuda o grupo a ser mais forte», comentou ainda.