«Infelizmente, não vamos poder ter todos os jogadores ao mesmo tempo, vão chegar por etapas, uns a 13 de Maio, outros a 19 e 20, e a razão do pré-estágio é, precisamente, para que aqueles que terminam os campeonatos a dia 9 possam manter a forma, para estarem nas mesmas condições que os que vão comparecer mais tarde», esclareceu o seleccionador nacional, em declarações ao site da FPF.

Os 23 convocados para o Mundial serão conhecidos a 11 de Maio, na Covilhã, palco da preparação para a prova e cuja escolha assentou nas semelhanças com as condições que Portugal vai encontrar na África do Sul.

«Encontrámos na Covilhã as condições ideais e as condições técnicas mais próximas da realidade que vamos ter na África do Sul. (...) Quando na Europa estamos no Verão, na África do sul vamos encontrar condições invernosas, mas todos os aspectos da adaptação à altitude eram os que mais preocupavam a equipa e a Covilhã foi a resposta ideal. (...) A Covilhã parece ter sido desenhada para suportar a preparação da equipa nacional, num contexto que é o mais próximo possível das condições de competição que vamos ter na África do Sul», explicou.

Ainda no plano da preparação, Carlos Queiroz disse que «todas as decisões que têm a ver com o detalhe, se falharem agora comprometem a preparação e condicionam o rendimento dos jogadores». «É importante que nenhum detalhe falhe, porque uma peça a falhar pode comprometer toda a harmonia da preparação», defendeu.

Sorteio do Euro-2012 é «positivo», analisa Queiroz

Carlos Queiroz comentou, também, o sorteio da fase de qualificação do Euro-2012, que ditou o arranque em casa frente ao Chipre e a conclusão na Dinamarca.

«Foi positivo, nem bom nem mau. O mais importante do sorteio é fazermos uma boa análise de todas as condições, sobretudo ao nível da recuperação dos jogadores, das implicações que a preparação pode ter ao nível das deslocações. Temos de nos centrar num bom plano de preparação para que os jogadores possam em cada um dos jogos estar no máximo das suas capacidades», analisou o seleccionador nacional.