«Enquanto ia para os balneários, nem vi quem era, não sabia a quem tinha feito a falta. Quando descobri que tinha sido o Sulejmani, fiquei com pena porque ele é um tipo porreiro», explicou Simunic.

O defesa foi expulso. «Fiquei feliz por saber que ele não se magoou. Aliás, disse isso mesmo logo depois do jogo.» Sulejmani está a caminho de Lisboa mas ficou com um forte hematoma na coxa direita, necessitando de alguns dias de repouso.

«Muitas pessoas disseram-me que a imprensa sérvia foi dura comigo mas eu só fiz uma falta tática. Não vejo nada de polémico ou algo que mereça mais comentários. Penso que todos os profissionais do mundo já fizeram alguma maldade do género para salvar a sua equipa», rematou Josip Simunic.