Recorde-se que Eduardo terminou o contrato com o Génova, tendo cumprido o último ano no Sp. Braga por empréstimo, também não chegou a acordo com António Salvador e por isso ficou livre.

O Levante e o Granada demonstraram de imediato vontade de contratar Eduardo, e o próprio Eduardo até dava preferência à liga espanhola, mas os argumentos financeiros apresentados pelo Dínamo Zagreb acabaram por ser mais convincentes.

Ora nesse sentido, Eduardo chegou a acordo com o campeão croata, mas só assinará contrato após o Mundial 2014. Vai poder lutar pelo título e disputar as pré-eliminatórias da Liga dos Campeões. No clube vai ter também a companhia de Paulo Machado.