Artur Jorge aponta para uma vitória do Sp. Braga, esta quarta-feira, sobre o Union de Berlim que, além de garantir, desde logo, a Liga Europa, deixa também tudo em aberto para «uma final em Nápoles» e uma possível qualificação histórica para os oitavos da Champions. O treinador deixou em aberto a disponibilidade de Al Musrati, recuperado de lesão, para o jogo com os alemães.

«Esperamos um jogo difícil, o Union Berlin tem um ponto, nós três, mas a diferença é mínima, o grupo é equilibrado, e vimos de boas exibições em que não temos tido bons resultados. Apelo e sei que os jogadores terão grande determinação e ambição para garantir a continuidade nas provas europeias, para depois podermos ter uma final em Nápoles para continuar a lutar pelo objetivo Champions. O fator determinante será a abordagem que possamos ter no jogo, para sermos competitivos e competentes para vencer», começou por enunciar em conferência de imprensa.

O Union de Berlim está em plena crise, no penúltimo lugar da Bundesliga, e acaba de mudar de treinador. «Tem sido um dos fatores que nos causa mais dúvida sobre o que vamos ter amanhã. Havia uma relação muito forte e ideia muito vincada com o anterior treinador, assim temos de recorrer ao seu passado, como a época passada na liga turca, e tentar perceber se será o grupo a adaptar-se ao treinador ou o contrário. Teremos de ter capacidade e rapidamente perceber o que fazer para não sermos surpreendidos», comentou.

Apesar da evidente fragilidade do adversário, Artur Jorge não acredita em vitórias antecipadas. «Não caio no erro de pensar que este jogo está feito. Amanhã teremos um jogo que será decisivo na continuidade nas provas europeias, isto diz muito da importância do jogo, Tudo é subjetivo, quero olhar para o Union da mesma forma que olhei no primeiro jogo, no sorteio, é uma equipa de qualidade, belíssimos jogadores, muito forte», prosseguiu

No primeiro jogo com os alemães, em Berlim, o Sp. Braga esteve a perder por 2-0, mas acabou por virar o resultado para 3-2. «Terá de servir de inspiração pela atitude competitiva, uma exibição bem presente na memória. Mas amanhã será diferente, perspetivo um jogo diferente, e temos de estar preparados. Esse jogo ficará na nossa história, mas acredito que amanhã possa ser só mais um motivo de ânimo para perceber que somos capazes de competir do primeiro ao último minuto», comentou.

A grande dúvida para este jogo será Al Musrati que já recuperou de lesão, mas o treinador não abriu o jogo. «O Al Musrati esteve afastado, teve reintegração esta semana junto da equipa. Começou a integrar esta semana, a convocatória só será depois do último treino. Só aí se saberá», destacou ainda.

O Sp. Braga parte para esta penúltima jornada no terceiro lugar do Grupo C, com três pontos, enquanto o Union soma apenas um. Os minhotos, em caso de vitória, garantem a Liga Europa e, caso o Nápoles não pontue no Santiago Bernabéu, podem ir a Itália, na última ronda, a apenas um ponto da equipa do Estádio Diego Armando Maradona.