Corroboro totalmente aquilo que diz...uma equipa grande tem que apostar na prata da casa;pode não trazer resultados imediatos,mas a longo prazo permite uma poupança de recursos e uma valorização de activos...esta crise mundial é uma oportunidade para os clubes apostarem em jovens jogadores portugueses,muitos deles perdidos nas divisões secundárias,como o Beto,o Braga,o Ruben Micael,o Varela,e outros jogadores de qualidade que andam por aí "perdidos" no Atletico de Valdevez,Penafiel,Olhanense,Sertanense,Fátima,União da Madeira,etc(como é óbvio são muitos mais clubes do que estes)...Reparem no Miguel Vitor e no Carriço que entraram nas respectivas equipas titulares do SLB e SCP e de lá não devem saír nos próximos tempos,sentando no banco jogadores como Sidnei que custou 5 milhões ou Tonel...Por isso concordo com a lei 6+5 e outras que permitam a valorização de jogadores nacionais.Se esta regra tivesse em vigor,o Benfica teria que apresentar no onze:Moreira(Quim),Miguel Vitor,Jorge Ribeiro,Ruben Amorim,Carlos Martins Nuno Gomes...