Uma enorme desilusão para a equipa da casa, comandada por Felix Magath, que apostava forte nesta competição. A equipa de Van Gaal entrou melhor no jogo, com Ribery no banco, mas com um endiabrado Olic e um genial Robben no apoio directo a Klose. Os bávaros criaram várias oportunidades para abrir o marcador, mas, aos poucos, o Schalke foi afastando o adversário da sua área. O Bayern voltou a entrar forte na segunda parte, mas o Schalke voltou a suster a pressão, adiando o veredicto para o prolongamento.

Quando parecia que a eliminatória ia ser decidida nas grandes penalidades, Robben arrancou do meio-campo, flectiu para direita e atirou cruzado quebrando a resistência da equipa da casa que já não teve forças para reagir.

Fica, assim, marcada a final mais provável da taça alemã, com mais um jogo entre os dois clubes mais bem sucedidos na competição: Bayern (14 títulos), Bremen (6 títulos).

Veja o golo: