O Manchester City, depois do desaire na Alemanha (3-1), procurou pressionar o adversário desde o primeiro minuto de jogo, mas seria o Hamburgo a inaugurar o marcador. José Paolo Guerrero, avançado peruano, balançou as redes adversárias ao 12º minuto de jogo.

O brasileiro Elano e o equatoriano Caicedo comandaram o ataque do Manchester City e lograram marcar um golo cada. O internacional canarinho não desperdiçou um castigo máximo, com Caicedo a confirmar a reviravolta ao minuto 50. Os adeptos ingleses ficaram animados, mas a expulsão de Dunne, a quinze minutos do final do encontro, precipitou o final da eliminatória.