Um enorme balde de água fria para os muitos adeptos turcos que encheram o Estádio Ali Sami Yen, uma vez que a equipa de Istambul ganhou vantagem no final da primeira parte, aos 42 minutos, com um golo de Harry Kewell, na transformação de uma grande penalidade, e aumentou-a logo a abrir a segunda parte, aos 49, por Milan Baros.

Com dois golos de vantagem a equipa turca relaxou e submeteu-se à reacção alemã, acabando por pagar caro por isso. Num curto espaço de três minutos, entre os 57 e os 60, o Hamburgo marcou dois golos e colocou-se em vantagem na eliminatória. José Paolo Guerrero reduziu com um espectacular remate de fora da área que levou a bola ao ângulo. Logo a seguir o mesmo avançado peruano bisou depois de entrar na área em drible e bater De Sanctis com um potente pontapé.

Já em tempo de descontos Olic acabou de vez com todas as dúvidas ao marcar o golo da vitória do Hamburgo. Apesar da intensidade da partida, que cresceu nos últimos instantes, o jogo acabou por ser tranquilo para Pedro Proença que mostrou apenas três cartões amarelos, dois deles nos últimos instantes.

Clique AQUI para conhecer todos os resultados e marcadores dos oitavos-de-final da Taça UEFA.