«Percebo hoje que esta época não foi devidamente preparada. A prova disso foi que não fizemos sequer um ponto nas cinco primeiras jornadas. Ainda hoje estamos a pagar essa factura. Se desses 15 pontos tivéssemos feito pelo menos cinco, estaríamos a meio da tabela classificativa», constatou.

Apesar da posição complicada do clube na tabela, Rui Silva não poupa elogios ao treinador que escolheu e justifica a renovação de contrato com o técnico. «Tulipa é um treinador moderno, estudioso, muito ponderado, com grandes conhecimentos do que é o futebol a nível nacional e mundial. [A renovação] prova a confiança que está a ser depositada neste jovem técnico», confirmou o presidente.

Rui Silva compreende a insatisfação dos adeptos por causa dos últimos resultados menos bons, «porque é muito grande a vontade de ganhar e ficar na Liga», mas salienta o esforço dos profissionais do clube para que isso seja possível.

«Espero que não haja mais Amadoras»

Em relação aos clubes que mantêm salários em atraso e lutam pelos mesmos objectivos que o Trofense, «que tem todos os compromissos honrados», Rui Silva fala de «concorrência desleal.» O responsável da Trofa espera «que na próxima época não haja mais Amadoras ou outros clubes incumpridores. Dificuldades todos temos, mas não pagar salários e atrasar mais de dois meses é muito grave», afirmou na referida entrevista.

Rui Silva aproveitou para negar os contactos com Carlos Janela com vista à sua contratação para director desportivo. «Nunca foi ponderada essa hipótese, mesmo sabendo que seria uma grande mais-valia para a estrutura do Trofense.» A colaboração existe, mas é apenas «esporádica, como com qualquer outro empresário do mercado».

«Intransigente na disciplina»

O presidente do Trofense lançou ainda avisos internos, após mais um caso de indisciplina interna [Sidney]. Rui Silva avisou que nunca aceitará «comportamentos que ponham em causa a integridade e a coesão do grupo de trabalho. Quem pisar [os princípios], sofrerá as consequências e assumirá as suas responsabilidades.»

O Trofense está no 14º lugar do campeonato, com 18 pontos, muito perto da «linha de água».