A UEFA decidiu abrir um processo de inquérito ao Barcelona, devido ao arremesso de foguetes luminosos por elementos da claque blaugrana durante o jogo com o F.C. Porto, para a Supertaça Europeia.

Os incidentes que merecem a atenção da UEFA ocorreram num sector do estádio onde estava a claque organizada «Boixos Nois», antes do pontapé de saída, e também nos festejos dos golos da equipa catalã, que venceu o jogo por 2-0 e conquistou o troféu de arranque da nova época.