Depois de ter anunciado que estavam em curso investigações, a UEFA revelou agora mais pormenores. Em causa está o encontro da primeira pré-eliminatória da Liga dos Campeões entre o Pobeda e o FC Pyunik, a 13 de Julho de 2004 e a acusação, explica a UEFA, é baseada «em relatos da indústria de apostas sobre padrões irregulares, e nas declarações de várias testemunhas».

Os envolvidos foram acusados de «quebrar os princípios de integridade e fair play, manipulando o resultado de um jogo da UEFA para ganhar vantagem indevida para eles próprios e para uma terceira parte». A UEFA informa ainda que a Comissão de Controlo e Disciplina vai analisar o caso a 17 de Abril.