A equipa da casa respira agora melhor, depois de se ter visto em situação muito delicada, no que à manutenção diz respeito. Os sadinos ainda não estão a salvo, mas ao conseguirem dois triunfos seguidos atiraram a pressão para outros campos. Carlos Cardoso conseguiu inverter o cenário negativo, mas o dia-a-dia não tem sido fácil. Os problemas directivos e financeiros, com salários em atraso à mistura, têm complicado a tarefa.

O Sporting de Braga, por seu lado, está em plena zona europeia, e quer consolidar esse estatuto, sem deixar de «espreitar» uma eventual intromissão entre os «grandes». A equipa «arsenalista» empatou nas duas últimas jornadas, mas agora, terminada a campanha europeia, concentra-se apenas na Liga.

Vandinho e Paulo Jorge estão de volta aos convocados, mas Jorge Jesus não tem só boas notícias. Luís Aguiar cumpre castigo e Frechaut ainda recupera de lesão. No emblema sadino há quatro «baixas» a registar. O capitão Sandro e Leandro Branco recuperam de lesões, Leandro Lima e Robson cumprem castigo.

Equipas prováveis:

V. SETÚBAL: Kieszek; Janício, Zoro, Auri, André Marques; Hugo, Elias, Ricardo Chaves, Regula; Bruno Gama e Mateus

SP. BRAGA: Eduardo; João Pereira, Leone, Rodriguez, Evaldo; Vandinho, Alan, César Peixoto, Mossoró; Rentería e Paulo César