Como é o Marco Silva como treinador?

É fantástico. Tem grandes qualidades técnicas e humanas. Tenho com ele uma relação que vai muito para lá da mera relação treinador/jogador. É uma relação de grande amizade e de respeito mútuo. Não o trato por «mister», continuo a tratá-lo por «capita», porque quando nos conhecemos eu era suplente do Estoril e ele capitão de equipa. Já na altura, ele pensava ser treinador e eu dizia-lhe: «Quando fores treinador, quero jogar na tua equipa!» Não imaginava que isso viesse a acontecer tão rapidamente. O futebol tem destas coisas. Temos uma ligação muito forte.

Marco Silva pode vir a treinar um grande clube português?

Eu diria que isso vai acontecer e até diria mais: acho que o Marco tem condições para ir além de um grande português. Ele vai chegar muito longe, porque é muito bem preparado, muito calmo, tem sempre tudo sob controlo. Lê muito bem o jogo, é metódico, organizado. E vive o futebol intensamente. Vai chegar muito longe, tenho a certeza.

Além de Marco Silva e dos jogadores, onde está o segredo do sucesso do Estoril?

Tudo é importante num clube. A administração faz um bom trabalho, a empresa lá no Brasil também tem sido importante. Todos fazem a sua parte.

VAGNER

Nome: Vagner da Silva

Data de nascimento: 6 de junho de 1986 (27 anos)

Naturalidade: Araruna, Paraná

Posição: Guarda-redes

Altura: 1,85 metros

Peso: 80 quilos

Percurso: Atlético Paranaense (2001-2008), Ituano (2009), Desportivo do Brasil (2009), Estoril (2010-2013)

Títulos: Estadual Paranaense (2005), II Liga Portuguesa (2012)