encarnados

«O assunto é com o meu filho e já toda a gente está identificada com o que se passou. O momento difícil é só a lesão, mais nada. Em relação à cabeça, está tudo bem. É um assunto que não me diz respeito. O que me pareceu é que há falta de comunicação, mas não tem nada a ver com o Miguel. Claro que ele está lesionado, o médico disse isso mesmo antes do jogo com o Benfica e voltou a dizer agora», defendeu Veloso, à chegada à cerimónia, no Estoril.

Sobre a eventual saída de Miguel Veloso do Sporting, o também antigo internacional português garantiu que o filho vai cumprir o contrato, «pelo menos até ao final da época». «Nesta altura as inscrições já terminaram. Na próxima temporada logo se verá. Tudo se resolve, menos a morte. É importante que as pessoas estejam conscientes das situações e tentem resolver as coisas de modo a que ninguém seja prejudicado», alertou.

Veloso garantiu, ainda, que tem aconselhado o filho da melhor forma. «Tenho falado com ele, como homem de futebol, para que ele não erre. O que importa é que ele veja as coisas como devem ser, porque tem contrato com o Sporting. Espera cumpri-lo, pelo menos até ao final da temporada, mas se aparecer alguma situação, logo se verá. Não quero ser mal interpretado, portanto prefiro não falar mais sobre o assunto. Aconselho sempre bem o meu filho, é o que tento fazer», concluiu.

Relativamente à festa benfiquista, Veloso não escondeu o apreço pelo emblema da Luz. «É uma data histórica. Fiz parte deste clube, foi onde passei a maior parte da minha carreira, é uma alegria enorme estar aqui. O Benfica luta para ser campeão e está tudo em aberto. Espero que possa atingir o ponto máximo, que é ser campeão.»