Central explica que Portugal não vai fazer marcação homem a homem.