Siga tudo sobre o V. Setúbal-Arouca este domingo a partir das 16h00 com o Maisfutebol

MOMENTO

V. Setúbal: Quim Machado já disse várias vezes que ao dispor um grupo jovem e com pouca experiência na Liga. Certo é que os sadinos estão a realizar uma das temporadas mais tranquilas dos últimos anos. Com 13 pontos e dois triunfos consecutivos, em caso de novo sucesso o Vitória pode chegar aos lugares europeus no final da ronda. Nada mau!

Arouca: depois de um começo de época auspicioso – durante o qual até chegou a liderar o campeonato - o conjunto de Lito Vidigal atravessa uma fase menos positiva. Já são seis a partidas consecutivas para a Liga sem qualquer triunfo. Os arouquenses não ganham desde agosto, mas também não perdem há mais de um mês e meio (1-3 com o FC Porto). Por isso, falar em crise será prematuro. Ainda.

AUSÊNCIAS

V. Setúbal: -

Arouca: Gegé (lesionado)

DISCURSO DIRETO

Quim Machado (V. Setúbal): «Quando se ganha e esses cenários são possíveis deve-se ao que os jogadores fizeram antes. Isso tem de lhes trazer mais motivação e ambição para terminar a jornada atual numa posição mais vantajosa. Não temos medo da responsabilidade. Queremos fazer mais e melhor e chegar o mais longe possível

Lito Vidigal (Arouca): «O Arouca sabe quais são os pontos fortes e os pontos fracos do V. Setúbal. As equipas estudam-se. Como tal, respeitamos muito o V. Setúbal, mas vamos procurar fazer o nosso jogo e vamos procurar vencer.»

HISTÓRICO DE CONFRONTOS:

A história entre Vitória e Arouca é recente. Tão recente que o primeiro jogo entre as duas equipas data de 2013, ano de estreia dos aveirenses no principal escalão. Desde então, houve cinco embates e os sadinos levam vantagem, com três triunfos (um deles para a Taça) e duas derrotas. Dentro dos muros do Bonfim, manda a (curta) tradição que quem manda são os sadinos, que têm o pleno de triunfos.

EQUIPAS PROVÁVEIS

V. Setúbal:

Outros convocados: -

Arouca:

Outros convocados: Lito Vidigal convocou todos os jogadores à exceção do lesionado Gegé.