Ainda assim, não é líquido que possam ser dados como aptos para o próximo jogo dos figueirenses, dentro de uma semana, frente ao Leixões.

Do jogo com o Sporting resultaram ainda pequenas mazelas, como a de Marinho, que sofreu um traumatismo no tórax, ou Davide, que teve de ser suturado com cinco pontos, devido a um golpe no sobrolho esquerdo.

Qualquer um dos casos não inspira cuidados e ambos deverão retomar os treinos normalmente já esta terça-feira, após dois dias de folga.

Depois de jogar em Alvalade, a Naval terminou o ciclo de jogos com os grandes, durante o qual amealhou apenas três pontos, na vitória obtida sobre o F.C. Porto, na Figueira. Seguem-se agora apenas compromissos com equipas da sua igualha, quatro deles em casa (Leixões, Rio Ave, E. Amadora e V. Setúbal), que poderão ser determinantes para garantir a manutenção.