O atleta, internacional cinco vezes pela extinta selecção da Sérvia e Montenegro, possui as características pretendidas pelos azuis e brancos e, ainda por cima, está afastado dos trabalhos do seu actual clube. O Maisfutebol chegou este domingo à fala com Mikhail Pukshanskiy, director de comunicação do emblema moscovita, que nos explicou a situação do atleta.

«Ele não está connosco há alguns meses, pois entrou em conflito com o nosso anterior técnico, o Vladimir Weiss. Foi para o seu país mas, entretanto, mudámos de treinador e queremos o jogador de volta», explicou Mikhail Pukhshankiy, que espera o regresso de Simon Vukcevic nos próximos «quatro ou cinco dias».

Essa é, de facto, a pretensão do Saturn mas não a vontade do jogador. Simon Vukcevic, ao que sabemos, só voltará à Rússia se for obrigado, apesar do novo técnico, Gadjiev Gadji, apreciar bastante a sua qualidade. O atleta tem contrato com os russos até Dezembro de 2010 e foi contratado em Janeiro de 2006 ao Partizan de Belgrado por cerca de sete milhões de euros, quando já era uma das grandes estrelas da equipa.

Em relação ao possível interesse do F.C. Porto, Mikhail Pukhshankiy somente disse que não estava «autorizado a falar sobre a situação». Nesta altura, no entanto, é apenas seguro dizer que Simon Vukcevic é uma das alternativas que o F.C. Porto tem entre mãos para o lugar de Anderson.

Auto-estima excessivamente elevada

Simon Vukcevic é um atleta cerebral, tecnicamente muito evoluído e que apresenta, aos 21 anos, um currículo de respeito. Em 2004 esteve no Campeonato da Europa de sub-21 e no mesmo ano representou o seu país nos Jogos Olímpicos de Atenas. Dois anos depois, veio a Portugal ao Europeu de sub-21 com a camisola da Sérvia e Montenegro, mas apenas foi titular na primeira partida.

A sua evolução, de resto, tem sido decepcionante desde que chegou ao campeonato russo. Numa equipa de modestas ambições, Vukcevic sempre se assumiu como a «estrela da companhia», mas a sua elevada auto-estima chocou de frente com o chicote disciplinador do último técnico com quem trabalhou.